O setor de alimentos congelados cresce a cada dia mais e tem muitas pessoas interessadas em explorar este “segmento”, mas não têm muito conhecimento técnico sobre o assunto.

Além do preparo e escolha dos ingredientes e dos pratos a serem produzidos, o empresário precisa saber qual tipo de etiqueta e rótulo ele pode colocar em alimentos que serão armazenados em baixas temperaturas.

Dentre estes empresários, ou mesmo autônomos que querem uma renda extra, existe uma dúvida recorrente: “será que posso congelar o meu produto para venda e colocar o meu próprio rótulo, comum?”

Para responder esta pergunta, vamos à alguns detalhes sobre este tipo de etiqueta.

Primeiramente o material à ser utilizado para impressão deve ser resistente a água. Desta forma ele não sofre com o congelamento desta água que poderia se acumular. Além do fato que, após descongelar, a etiqueta ou rótulo pode literalmente “se dissolver” e ficar totalmente ilegível.

O que, de fato, não deve ser acontecer.

Outro ponto a ser frisado é o adesivo em si. Ele deve resistir à grande variação de temperatura e feito de algum tipo de polímero que não seja também absurdamente caro. Não adianta gastar rios de dinheiro com a etiqueta e rótulo e seu produto ficar muito mais caro.

Desta forma, usamos na PROMOM um tipo de polímero de alta qualidade que resiste muito bem à este tipo de variação.

Eles podem ser usados para embutidos, resfriados, in natura, laticínios, alimentos em geral.

Lembramos sempre que todos os nossos materiais possuem laudo de atoxidade, o que garante que seu alimento não será contaminado por nenhuma substância oriunda das etiquetas e rótulos.

Entre já em contato conosco e faça seu orçamento grátis, rápido e NA HORA!